Funcionário do mês

CRÔNICAS, CONTOS E TEXTOS POÉTICOS, NÃO POESIA.

TRILO

(Ato I)

-E foi desse jeito que eu cheguei nessa cidade.
-Mentira.
-Que parte?
-Tudo! Sua historia é absurda.
-Você que não tem imaginação.

-----------------------------------------

(Ato II)

-Eu queria voar
-Pra onde?
-Sei lá, voar! Voar ouvindo Enya!
-Pode crer!
-Voar ouvindo Enya a noite!
-Caralho, agora eu quero!

-----------------------------------------

(Ato III)

-Eu sou como essa maconha ai, só sendo enrolada.
-Pensei que era porque estava prestes a vir pra minha boca.




Juan B.