Funcionário do mês

[ CRÔNICAS, CONTOS, POESIA CONCRETA ] [ ILUSTRAÇÕES ] [ FOTOGRAFIAS ] [ VÍDEOS ]
Alguns pensamentos invadem minha cabeça pegando minhas emoções só de toalha.
O coração fala por código Morse.
Eu sou que nem leite fervendo, eu cresço do nada, mas tenho meus medos mudos.
E se esse raio de sol for apenas impressão, daquelas que você pensa que é um disco voador e no fim das contas, era só um avião?
É difícil, mas difícil em "fícil" eu logo te alcanço.
Meu rosto semi arborizado, seu rosto semi ruborizado.




Juan Barto