Funcionário do mês

CRÔNICAS, CONTOS E TEXTOS POÉTICOS, NÃO POESIA.
Nossos demônios escapam o tempo todo da profundezas dos nossos infernos astrais, seja pela boca, seja pelos dedos.



Juan Barto