Funcionário do mês

CRÔNICAS, CONTOS E TEXTOS POÉTICOS, NÃO POESIA.
Nem tudo o que se quer é querido.
Nem tudo o que se tem é temido.
Nem tudo que está é estalido.
Nem tudo que se está sem é sentido.
Nem tudo o que se fala é falido.
Nem todo amor é amido.
Nem todo sem é sentido.



Juan Barto.