Funcionário do mês

CRÔNICAS, CONTOS E TEXTOS POÉTICOS, NÃO POESIA.
Quando a gente é criança, ninguém acredita nas merdas que a gente fala.
Quando a gente cresce, ninguém acredita nas merdas que a gente faz
Há pessoas que você tem que sacudir e sacudir, pois o açúcar tá todo no fundo.
A vida é meio assim, meio como música ruim.
A letra não é lá grandes coisas, mas a levadinha é tão bacana que a gente acaba cantando junto, as vezes até batucando na coxa.




Juan