Funcionário do mês

[ CRÔNICAS, CONTOS, POESIA CONCRETA ] [ ILUSTRAÇÕES ] [ FOTOGRAFIAS ] [ VÍDEOS ]
Tarde lado A

Te gosto com a mesma intensidade que o frio bucólico fritava as árvores do meu bairro no inverno, fazendo com que elas escorressem lentamente, curvando-se através dos anos dramaticamente até quase tocar o chão, parecendo velas derretidas definhando com seu silêncio de condão entre os barulhos urbanos.

------------------------------------------------
Tarde lado B

Percebi que o cílios são os dentes dos olhos e as pessoas são os dentes de alhos nessa picanha acebolada chamada 'vida'.
O isqueiro sabor morango deu um beijo de língua de fogo no papel.
Cada brasa de cigarro passando entre dedos de uma mão para outra é como se fosse uma estrela cadente para uma formiga.
E elas pedem sempre a mesma coisa:
Que você morra!



Juan Barto



Foto: Juan Barto / Florianópolis SC - julho/2012